Dica minha #3

16/02/2017 0 Maçãs
Por vezes, dá jeito ter o computador ligado (quer seja com música no spotify, quer com algum documento de consulta ocasional aberto) enquanto estudamos. Contudo, a luz do ecrã pode ser um foco de distração, uma vez que temos tendência a olhar para lá sempre à espera que apareça alguma notificação nova.

De forma a evitar esta situação com uma solução muito simples e que não implique andar a mexer constantemente nas definições do computador, aqui fica mais uma sugestão...

🔔 Desligar o monitor do computador



O computador não hiberna, o que nos permite voltar a ligar o ecrã apenas com um toque no rato ou numa tecla, facilitando uma consulta rápida e mais produtiva e, assim, a nossa música não para de tocar só porque temos o ecrã desligado.

Existem várias soluções para este problema, sob a forma de comandos ou de aplicações. Aquela que vos trago é uma das mais simples e a que, de acordo com as minhas pesquisas, ocupa menos espaço no disco.


Utilizando o Monitor Off:


Atenção! Link para download da aplicação Monitor Off (40kB): ficheiro executável (exe).

Depois de feito o download para o computador, guardem o ficheiro numa pasta da vossa preferência (até mesmo no ambiente de trabalho, se forem esse tipo de pessoas, ehehehe).

A minha sugestão é que, depois, simplesmente arrastem o ficheiro para a barra de tarefas (podem largar assim que surgir a informação "Afixar em Barra de tarefas") ou, em alternativa, cliquem com o botão direito em cima do ficheiro e selecionem "Afixar na barra de tarefas". Desta forma, com um clique neste atalho conseguem desligar o vosso ecrã e criam automaticamente um atalho de teclado.

Atalho de teclado para iniciar a aplicação e desligar o monitor: usar a combinação de teclas WINDOWS+#, sendo # o número da posição em que se encontra o atalho na barra de tarefas.

Ex. WINDOWS+5

Atenção! Este atalho de teclado apenas funciona se seguirem este procedimento (de colocar um atalho na barra de tarefas).

Qualquer dúvida, já sabem. 😉

0 Maçãs:

Enviar um comentário

Olá! Obrigada pelo teu comentário no Pomarão. :)