Interrogo-me sobre o que será mais difícil...

31/07/2015 0 Maçãs

... escolher ou entrar?


A resposta, como sempre, depende do ponto de vista. Falando um pouco sobre a minha situação, já cheguei a um ponto em que delineei três planos para a minha vida futura - e tendo em conta o meu gosto pelas mais variadas áreas, posso dizer que, independentemente do plano que acabe por se concretizar, sinto que sempre conseguirei atingir os meus objetivos (e entenda-se por objetivos algo mais interior e subjetivo, não sou propriamente uma máquina de trabalho, sim?).

Quantas pessoas conseguem dizer isto? Em vez de me sentir meio perdida entre cursos e mais cursos, talvez me deva considerar sortuda por não focar toda a minha possível felicidade na entrada num ou noutro curso. Em vez disso, tenho três planos. Podia ter mais, podia ter menos, mas em princípio a "luta" vai andar entre dois deles.

A ordem dos planos está decidida. O problema está mesmo na escolha e ordenação das faculdades no que toca ao plano A...

Se gosto da faculdade x: é mais longe, os acessos não são grande coisa, as opiniões dividem-se e as condições de vida são muito melhores por metade do preço. Se gosto da faculdade y: é mais perto, o estilo de vida é completamente diferente, tudo é mais caro e há maior insegurança à noite.

Dá vontade de dizer: venha o diabo (cof, cof, a DGES) e escolha...

P.S. E depois há aqueles momentos em que só me apetece colocar o plano B em primeiro lugar e passar um verão descansadinha da vida. 

0 Maçãs:

Enviar um comentário

Olá! Obrigada pelo teu comentário no Pomarão. :)