Pensar positivo

09/02/2014 1 Maçã

Era uma vez um Teste Intermédio de Física e Química A.
(e era uma vez um Teste Intermédio de Inglês, se a minha escola não tivesse decidido não o realizar)
Era uma vez um Teste Intermédio de Matemática A.
Era uma vez um Teste Intermédio de Biologia e Geologia.

Era uma vez o 11º ano dos alunos do curso de Ciências e Tecnologias, que, carregadíssimos até mais não com relatórios de atividades laboratoriais, com mini-fichas e questões de aula de matemática, com apresentações orais de português e de inglês, com trabalhos de grupo, com trabalhos de casa, com os ouvidos fartos de estar sempre a ouvir "o estudo é contínuo!" e "não deixem tudo para a última da hora!", têm de estudar não só para dois exames nacionais no final do ano, como também para três ou quatro testes intermédios que, por COINCIDÊNCIA, têm de calhar TODOS no mesmo período.

Eu sei que é bom pedir exigência, e esforço, e estudo, e trabalho, mas não acham que estão a exagerar um bocadinho? A desculpa é de que os testes intermédios "só" contam como um teste - esquecem-se de que falar em "teste formativo" ou em "teste intermédio" engloba diferentes níveis de pressão e de stress. Falam de que são um bom exercício de preparação para os exames - não o nego, mas há que saber quando e em que situações é que constituem, verdadeiramente, uma AJUDA para os alunos, em vez de um abominável homem das neves (ou deverei antes dizer "das maçãs-que-resolveram-cair-na-cabeça-do-Newton-e-que-atormentam-todos-os-alunos-que-estudam-Física-e-que-têm-de-calcular-o-trabalho-disto-e-daquilo-relacionado-com-a-simples-queda-desses-frutos-deliciosos") que transtorna qualquer um.

Desculpem. O TI é na quarta-feira e estou a entrar na fase de "desespero total". Aaaaiiiii...

1 Maçã

  1. Apenas tenho a dizer que a minha fase de "desespero total" não é de agora mas sim de à pelo menos duas semanas.

    ResponderEliminar

Olá! Obrigada pelo teu comentário no Pomarão. :)