So...

27/01/2013 0 Maçãs

E... uma semana depois, cá estou eu outra vez. E olhem que foi uma semana muito estranha, esta...

Tudo começou no fim de semana passado, quando, em vez de acordar com os passarinhos e toda a bicharada aqui da zona a dar um arzinho da sua graça, acordei a pensar que a casa vinha abaixo. E por casa entenda-se prédio, o que só tornou a coisa mais preocupante... A ventania era tal que eu já nem sabia se devia subir ou descer as persianas, e o facto de a chuva miudinha se ter tornado granizo também não facilitou as coisas.

Como ia ter aula de violino, lá comecei a treinar um poucochinho à espera que o tempo passasse (ahahaha, perceberam? Tempo [meterológico] = Tempo [horas] ). Quando dei por mim... ffffffffffiiiiiiiiuuuuuuusssssseeeeee! E pronto, lá fiquei eu sem eletricidade.

Como já disse, estava tão entretida com o violino que nem liguei a semelhante facto, daí que quando vi que nem sequer ia poder sair de casa tenha ficado muito aborrecida. Isso e a árvore que morreu ali mesmo no meio da estrada. Enfim. Árvores.

O dia prosseguiu normalmente, com direito a comida normal e estudo (cof, cof, cof) normal, tirando talvez a parte de ter de ir à casa de banho de lanterna na mão (não deixa de ser estranho, realmente). A preguiça era tal que até me pus a dormir a sesta, até acordar, lá para as 16h da tarde, com a felicidade das redondezas por ter regressado a eletricidade.

Yey, fez-se luz! O meu computador agradeceu, o Facebook aspas aspas, e eu também. Diga-se de passagem que foram só 5h sem eletricidade - para mim. Agora imaginem o meu espanto e assombração quando, ao chegar à escola na 2ª feira, descobri que muitos dos meus colegas andavam desesperados - digo mais, desesperadíssimos - por não terem nem eletricidade, nem água, nem sabe-se lá mais o quê.

Acho que não é preciso adiantar que toda a gente andou mal disposta nesse dia (e nos dias seguintes, enquanto a situação não regularizou aqui na zona, o que só ocorreu por volta de 4ª feira).

Enquanto tudo isto acontecia, as aulas prosseguiam. Os testes prosseguiam. As mini-fichas prosseguiam. Só os transportes é que não prosseguiam muito bem para nos levar até à escola, já que as estradas continuavam num estado paupérrimo. Isso e o sinal de STOP aqui da minha rua todo dobrado, coitadinho, sem ninguém lhe ligar nenhuma.

E... pronto, acho que foi isso. Pensando bem, a estranheza do resto da semana foi igual à estranheza das outras semanas todas (acho que é algo que a chamamos vida, não tenho bem a certeza - oh!, ou então são só mesmo as aulas com a minha turma, ehehehe).

De resto, a única coisa que mudou foi a sexta-feira - Fringe Friday - que, embora tenha continuado a ser 6ª feira, passou a não ter Fringe. Buááááááá!

0 Maçãs:

Enviar um comentário

Olá! Obrigada pelo teu comentário no Pomarão. :)