As Minhas Experiências Musicais no Piano I

24/05/2009 3 Maçãs
video
Piano

video

Assim um som qualquer estrambólico do órgão


Estas são as minhas adaptações da música "She Could Be You", que ouvi numa série e que tentei tocar no piano. No final, deu estes dois vídeos!

3 Maçãs

  1. Olá, Lagartinha!

    Fico eu... e ficam decerto aqueles que te estimam muito gratos por partilhares connosco as tuas experiências musicais. As músicas escolhidas são bem bonitas.

    Uma sugestão que "fica bem" em piano: Ruínas, do Rodrigo Leão. Tenho alguns CDs dele. Sou capaz de a ouvir trinta vezes de seguida. É um pouco tristonha (vê-se logo pelo título), mas é muito bonita.

    Como correram as Provas de Aferição? A de Língua Portuguesa achei difícil. Ainda bem que este ano não tenho sextos anos! A de Matemática achei, em geral, fácil.

    Não faz mal ainda não teres comentado os comentários. Só o fazes se assim o desejares e se puderes. Gosto sempre muito, é claro, quando leio os teus comentários aos meus comentários. Sem comentários.

    Desejo que a tal situação já esteja ultrapassada. Se não está, talvez seja melhor pedir ajuda...

    Uma bicadinha muito amiga.

    Gaivota Ditosa

    ResponderEliminar
  2. Olá!

    Já ouvi a música e tem razão, é bem bonita! Mas por enquanto ainda é um poucochinho complicada para mim...!

    Quanto às Provas de Aferição, acho que a de Língua Portuguesa até correu bem, tirando o pequeno pormenor de que não consegui acabar de passar a composição do rascunho para a folha da prova. A de Matemática era fácil, realmente, mas estou com a sensação de que me "espalhei ao comprido"... Por isso não estou à espera de grande nota, mas L.P. pelo menos um B, digo eu (que sou péssima a auto avaliar-me; tanto para cima como para baixo!).

    P.S. Obrigada por se manter solidária comigo sobre "aquele" assunto. Realmente espero que já esteja ultrapassado, mas só com o tempo é que posso ver isso; a pessoa em questão é muito imprevisível.

    Cerejinhas saborosas,

    Madalena

    ResponderEliminar
  3. Olá, Lagartinha!

    É muito bom receber umas palavrinhas tuas, de vez em quando.
    Vou também deixar um comentário à tua ida à manifestação, mas antes, quis deixar aqui outro.

    No sábado à noite saí (coisa rara!!) para ir a um concerto de um quarteto de violinos (três) e violencelo. O grupo acho que se chama Yllana (ou algo semelhante, não posso agora confirmar porque não tenho aqui o programa). Foi muito divertido! Sim, divertido é a palavra certa, pois este quarteto (quatro homens) trabalham durante noventa minutos para nos fazerem 1.º ouvir música (clássica e não só) e 2.º rir... a bom rir! Eles encenam várias situações cómicas que têm a ver com a música, acrescentam pequenos pormenores e resulta num espectáculo muito leve, divertido, e cultural ao mesmo tempo. Uma cena engraçada é, por exemplo: um deles (que faz de maestro) tem de sair de cena porque (imagina!!)toca um telemóvel... e é o dele!! Os outros três ficam no palco a ensaiar a peça (não me lembro agora do título, mas é conhecida, muito calminha e romântica). Quando o maestro sai, os outros olham em redor e desatam a tocar música de cowboys, o público acompanha com palmas e eles até gritam iiaaaa! De vez em quando, o maestro vem ao palco, sempre agarrado ao telemóvel, e nessa altura eles e o público cúmplice retomam o ensaio, com um ar muito compenetrado e bem comportado! Isto contado não tem graça nenhuma, é giro é estar lá! Lembrei-me de ti, claro!!
    Uma das minhas partes preferidas, curiosamente, foi quando um deles fez uma experiência com violino eléctrico (ou será electrónico?). A peça era de Mozart e foi aí que me emocionei. Eu sou muito choramingas e nestas coisas há sempre um momento de lágrima no canto do olho. Foi este. Foi este porque pensei que mais de duzentos anos depois, uma pessoa ainda está viva e viverá eternamente graças ao seu talento, à sua capacidade genial de criar, música, neste caso...

    Então já ouviste a música do Rodrigo Leão... Bem me parecia que ias gostar.

    Muitas bicadinhas!

    P.S. - Agora vou deixar comentário ao post da manif.

    ResponderEliminar

Olá! Obrigada pelo teu comentário no Pomarão. :)