Só Clássica? Não!

30/04/2007 3 Maçãs
Quem pensa que eu só gosto de Música Clássica está muito enganado. É verdade que gosto muito mais de Música Clássica do que das outras, mas também gosto daquelas que não são Pimbas, não são Pop nem nada disso. Por exemplo, um dos cantores que gosto é Sérgio Godinho, e ainda outro, Jorge Palma. Mas nada que se compare à Sinfonia N. 40 de Wolfgang Amadeus Mozart nem à Para Elisa de Ludwig Van Beethoven, exemplos de músicas de que gosto. Agora falando de outros assuntos, na escola hoje não aprendemos nada de novo, mas estou a ver que quarta-feira já vão começar as preparações para as provas de aferição que, pateticamente, calharão no dia 22 e 24 de Maio. Agora vocês perguntam: Pateticamente? Sim, não me enganei. Acontece que aqui em Leiria dia 22 de Maio é Feriado! Já há quem ande a pensar em faltar, e com razão, pois num Feriado quem é que quer ir à escola?

Benfica x Sporting

29/04/2007 2 Maçãs
Às 20 horas de hoje vai jogar o Benfica contra o Sporting, um derby que promete ser impressionante e se não me engano vai dar na TVI. Mas antes deste jogo ainda tenho muitas coisas para fazer, como acabar o Ivanhoe, que já passei do meio do livro na tarde de ontem, preparar as coisinhas para a escola e também ver as novidades que andam para aqui nos blogs. Amanhã é que vai ser um dia em cheio, pois para aí metade dos alunos vai faltar à escola, o que nos permite ter mais espaço no recreio e... ter mais ar para respirar dentro da sala!

Caminhada

28/04/2007 2 Maçãs
Bem, mais uma vez fui fazer uma caminhada por Leiria. Desta vez percorri toda a cidade, o que me deixou estafada, apenas por Leiria ser só altos e baixos. Mas não faz mal, porque até valeu a pena, só que não fui à livraria, o que muito me chateia. Paciência, fica para a tarde, pois parece que à tarde vai ser a mesma coisa! Por falar em livros, neste momento encontro-me a ler Ivanhoe, que parece ser muito excitante, embora também seja um pouco grande, mas já li maiores...!

Presentes do Oceanário

27/04/2007 0 Maçãs
A minha professora foi ao Oceanário e trouxe-nos uns presentes. Recebemos um Passaporte do Cidadão dos Oceanos, um cartão de Defensor dos Oceanos, um folheto "S.O.S. Oceano" onde podemos ler quais os melhores peixes para comer... e ainda uma fita métrica de 75 cm onde podemos ver o comprimento de alguns peixes. Bestial, não?! O que é bom saber é que é sexta-feira, o que significa que o fim-de-semana se está a aproximar. Eu estou para ver segunda-feira quantos colegas é que vão faltar, pois existem pessoas que vão fazer ponte, visto terça-feira ser feriado, Dia do Trabalhador. Abril é uma maravilha!

Em saúde

26/04/2007 1 Maçã
Felizmente já estou bem. Totalmente bem não posso dizer, visto que hoje tenho tido dores de ouvidos. Mas quanto a espirros, ranho, e outras coisas horríveis, tudo parou. Tudo teria corrido bem na escola se não fosse aquele maldito trabalho de grupo para fazer um texto sobre o 25 de Abril. É que eu, com as minhas ideias de organização e tudo por sua vez, deixo os meus colegas fartos de mim, o que eu não suporto. Eu digo uma frase e eles aceitam, mas se são eles a a dizer a frase eu já não aceito, é o ponto de vista deles. O que não é verdade! Vou dar-vos o exemplo de uma frase que eu não aceitei:
"... Os rapazes e as raparigas tinham locais diferentes de estudo e de divertimento. Nesta altura só existia um candidato por isso bastava um voto..."
A segunda frase foi a tal dita por eles e eu não aceitei. Expliquei-lhes que aquela frase aqui não ficava bem. Ficaram furiosos! Agora outro exemplo, desta vez de uma conversa nossa.
- Então vamos escrever: o Salgueiro Maia comandou as tropas que fizeram o 25 de Abril. - disseram eles.
- Não. Isso é uma informação errada. Não foi só o Salgueiro Maia. Também foi o Melo Antunes... - disse eu.
- Mas o Salgueiro Maia era o principal.
- Não havia principal, todos comandaram as suas tropas, mas cada um uma!"
Lá continuaram com a conversa, mas eu continuo a detestar trabalhos de grupo. Eu fico com a cabeça a arder, e neste caso foram os ouvidos que pagaram, pois começaram a doer-me... Atenção: eu não estou a criticar os meus colegas, só estou a dizer que não me consigo entender com eles. Só isso (para grande pena minha).

25 de Abril

25/04/2007 2 Maçãs

No dia 25 de Abril de 1974 deu-se uma Revolução que ficou conhecida como Revolução dos Cravos. Durante 48 anos Portugal viveu num Regime de Ditadura, que começou quando António de Oliveira Salazar estava no poder e acabou quando Marcelo Caetano estava no poder. No Regime de Ditadura as pessoas não têm Liberdade de Expressão, facto que agora parece absurdo. Para se fazer diversas coisas eram precisas licenças, por exemplo, para se andar de bicicleta! Além disso, os militares tinham de ir lutar para as colónias portugueses, como Angola, Moçambique... Também existia uma polícia, a PIDE, que estava sempre alerta. Então, os capitães e os militares decidiram fazer uma Revolução, que prepararam em segredo absoluto. Em plena Revolução, uma senhora ofereceu cravos vermelhos aos militares, que os colocaram na ponta da espingarda. Esta foi a Revolução mais pacífica da nossa história, embora tenham morrido 4 pessoas, vítimas da brutalidade da PIDE. Certas canções também eram censuradas, como é o caso das de Zeca Afonso. As senhas para avançar foram as canções "E depois do Adeus" de Paulo de Carvalho e "Grândola Vila Morena" de Zeca Afonso. Os Capitães de Abril foram Otelo Saraiva de Carvalho, Melo Antunes, Salgueiro Maia, Vasco Lourenço, Vasco Gonçalves, Victor Alves e Costa Gomes.

A Revolução começou pela calada da noite do dia 24 e terminou no fim do dia 25. Só no dia 26 é que os jornais, a rádio e a televisão deram a notícia.

Poema meu

24/04/2007 4 Maçãs
Hoje voltei a não ir à escola. Ontem à noite voltei a ter febre e estava com muito calor. O interessante é que de noite estava cheia de calor e não sei se era por causa da febre ou dos cobertores...!
Cai e jaze, Lavegada
Em nuvens passadas
Num manto de bronze
Cai e jaze, Lavegada
Menina pequena e amada
Por todos os seus acompanhantes
Agora querida e achada
Agora morta e atada
Naquele inferno de vida
Menina não baptizada.

E Lavegada continua
Por esses mares acima
À procura de quem a colha
Sempre, sempre mimada
A bonita Lavegada
Morta e cremada
Foi o fim da maravilhada.

Atchim!

23/04/2007 3 Maçãs
É o que eu não paro de fazer. Estou constipada e bem constipada. Tenho estado sempre de cama, por isso não tenho actualizado o Pomarão... e não tenho ido à escola. Hoje de manhã estava com febre e lá se foi um dia de aulas. Se algum dos meus colegas estiver a ler isto, peço-lhes que expliquem à professora o porquê de não ter ido à escola. Mas eu estou mesmo mal... tenho a garganta toda "entupida"!

Ohhhhhhhhh....

19/04/2007 3 Maçãs
Pois é, não fui aprovada no concurso e não passei à fase seguinte. Fiquei desiludida, claro. Mas fica para a próxima... Na escola fizemos um cravo para o 25 de Abril, que faz 33 anos. Já é bem grande!

Prémio Thinking Blogger Award

18/04/2007 2 Maçãs
O Prémio Thinking Blogger Award foi-me dado pela Rendadebilros, do Que conversa!, a quem agradeço muito! Como a "regra" deste prémio é os premiados escolherem 5 blogs que aconselham, eu já escolhi. Peço desculpa aos que não escolhi, mas como só se podem escolher 5... Mas não deixem de visitar os outros que estão nos links! Bem, aqui vão:
Cartoonices - Este é um extraordinário blog de cartoons que já me fez rir diversas vezes.
Edukare - Pelo seu maravilhoso conteúdo e pelas suas visitas ao Pomarão.
Inflorescências - Os seus espectaculares poemas e as suas histórias inspiram qualquer um.
O Cartel - A sua força contínua é muito transmissível.
Ciências - Correia Mateus - Pelas suas maravilhosas informações.
Nota: Os premiados só escolhem os blogs se quiserem.

Concurso

17/04/2007 1 Maçã
Podem não acreditar, mas a verdade é que amanhã vou participar num concurso! É o concurso Jovens Talentos, que o Orfeão de Leiria organiza todos os anos. Já participei quando andava no 2º ano, e ganhei o 3º lugar. Desta vez estou com um pouco de azar, pois no meu grupo... são 21 alunos! Desses 21 alunos serão seleccionados 3 ou mais, e desses tantos serão premiados 3. Vamos lá ver como é que isto vai correr... (rimei e tudo!)

Anedota

16/04/2007 0 Maçãs
Esta é sobre os verbos. Vem mesmo a calhar!
Anedota:
Na escola, a professora pregunta ao Joãozinho:
- Qual é o futuro do verbo "roubar"?
- É ir preso!

Erro de Conjugação de Verbos

15/04/2007 3 Maçãs
Como eu sou vossa amiga, decidi alertar-vos para um erro de Conjugação de Verbos que muita gente erra. Primeiro vamos conjugar o verbo Andar no Pretérito Perfeito e no Presente. Comecem!
Verbo Andar
Pretérito Perfeito
Eu andei
Tu andaste
Ele andou
Nós andámos
Vós andastes
Eles andaram
Presente
Eu ando
Tu andas
Ele anda
Nós andamos
Vós andais
Eles andam
O erro é na Conjugação do pronome pessoal Nós, quando as pessoas se querem referir ao Pretérito Perfeito e conjugam no Presente. Até na televisão se conjuga errado, o que pode alterar completamente o conteúdo da mensagem. Por falar em andar, hoje fiz uma caminhada durante 2 horas!

Ilusão de Óptica

14/04/2007 0 Maçãs
Sei que não é nada de especial, mas foi para experimentar. O que conseguem ver?

Fim-de-Semana

13/04/2007 0 Maçãs
Bem, bem, o fim-de-semana já está aqui à porta, prestes a entrar e a nos levar para o mundo dele. Confesso que não queria que a semana de aulas acabasse hoje, pois eu, que tenho tanta ansiedade em saber os resultados dos textos e dos outros trabalhos, ainda não sei quantos erros tive no meu texto das férias! Onde é que já se viu eu ter tanta ansiedade? Embora todos digam que era melhor eu não andar sempre a perguntar se os trabalhos estão corrigidos, eu sei que iam sentir a falta dessas minhas insistentes perguntas, pois isso faz parte de mim, faz parte da minha personalidade. Por isso não me venham com cantigas que ficam com saudades!

Banda Desenhada

12/04/2007 0 Maçãs
Hoje foi à escola que frequento o escritor de Banda Desenhada, João Mascarenhas. Fizemos muitas actividades e aprendemos o que é mais importante para se construir uma BD. Por falar em Banda Desenhada, esta é uma página que podes visitar para fazeres uns pequenos "filmes" com balões de fala.

Trocas e Baldrocas com Poema Meu

11/04/2007 2 Maçãs
Estou a pensar que hoje é terça-feira em vez de quarta-feira. Portanto, hoje não teria música nem nada disso! A minha cabeça está mesmo virada do avesso... Mudando de assunto, o trabalho de casa de ontem foi muito divertido. Tínhamos que inventar um poema com versos de 3 poemas que se encontravam lá escritos. Vejam o que o meu deu!

Realidade
Olho a medo o céu
De chuva torrencial
E onde um negro
Cobre a tarde:
Que a manhã seja
As sombras do salgueiro
Manto de nuvens
De mágoa.

Escrever e ler

10/04/2007 0 Maçãs
Então e estudar? Não é preciso? Esta gente... Pois é, o que é certo é que as aulas já começaram outra vez e as provas de aferição já vêm a caminho! O tempo passa depressa, não passa? Mas felizmente temos um feriado muito importante... o 25 de Abril (tinha logo de ter um colega a fazer anos neste dia!). Gostava de saber o que gostavam que eu publicasse nesse dia. Querem que explique o que se comemora ou querem que faça, por exemplo, um jogo? Desta vez a decisão é vossa!

Resultados da Votação

09/04/2007 0 Maçãs
Já acabou a votação que estava a decorrer. Estes são os resultados:
Pergunta:
Qual a parte da vida te parece ser mais bonita?
Respostas:
A juventude - 8 votos
A adulta - 0 votos

Jardim Zoológico de Lisboa

1 Maçã
Ontem fui pela primeira vez ao Jardim Zoológico de Lisboa! Foi muito giro. Vi macacos, cobras, lagartos, coalas, golfinhos, leões-marinhos, leões, zebras, animais de quinta, gorilas, flamingos, pássaros, chimpanzés, pelicanos, focas, pinguins, búfalos, girafas, elefantes, crocodilos e muitos mais. Tirei fotografias só que de momento ainda não as tenho prontas a publicar aqui no blog. Também andei de comboio e de teleférico. Aconselho todos a visitarem este maravilhoso Jardim Zoológico!

Prenda do Dia do Pai

0 Maçãs
Sei que já passaram uns dias desde o Dia do Pai, mas só nestes últimos é que pude entregar a prenda ao meu pai. Era um bloco de notas feito com papel manteigueiro e papel canelado, com um desenho meu. A embrulhar tinha um envelope feito também com papel manteigueiro ilustrado à nossa maneira. Para completar ainda tinha a cartinha habitual escrita num papel que abre e fecha com uma camisa e uma gravata. Claro que o meu pai gostou muito!

Calendário de Abril

0 Maçãs
Amanhã começarão as aulas! Pois é, as Férias acabam já amanhã. Mas como estamos em Abril temos um feriado bem jeitoso!

Anedota e mais qualquer coisinha

07/04/2007 0 Maçãs
Queria pedir desculpas pela publicação Sabias que..., pois a informação que contém é errada. Acontece que este site para enviar SMS deixou de funcionar, sem o meu conhecimento. Para vos animar, aqui deixo uma anedota.
Anedota:
Sabes a anedota do elevador?
- Não.
- Nem eu, fui pelas escadas!

Provérbio

05/04/2007 3 Maçãs
Conhecem? Eu não conhecia.
Provérbio:
Nem tudo o que vem à rede é peixe.

Brrrrrrrr!

03/04/2007 1 Maçã
Brrrrrrr! Aqui em Leiria está um frio de rachar. Ontem choveu tanto, tanto, tanto que Leiria estava completamente molhada. Tenho a certeza que houve inundações, pois Leiria mais parecia um mar de água. Não sei se no resto do país também está assim, mas o mais extraordinário é que o Continente de Leiria ainda não tem cobertura no estacionamento! Este país está uma autentica desordem!

Assim é que se faz!

02/04/2007 1 Maçã
Vivó Benfica! Bibó Porto! Nem queiram saber: não é que no jogo de ontem, tinha logo de ser no jogo de ontem, o Benfica e o Porto empataram? Extraordinário. Eu a pensar publicar hoje um grande artigo sobre o grande campeão que poderia ser um destes clubes, e sai-me uma coisa destas. Mesmo assim, até nem foi um resultado mau, porque foi um empate de 1-1, e não de 0-0. Eu só espero é não haver uma invasão hoje de Benfiquistas e Portistas aqui no Pomarão, senão ainda levo um tiro!

Poema meu

01/04/2007 2 Maçãs
Eu e tu, Primavera

Eu
Inútil mortal
Nem olho para ti
Com essa inveja trivial.

És a Primavera
Mas eu quero olhar para ti
E sorrir-te
Sem te invejar
Num mar de alegrias
Num mar de tudo o que se possa imaginar.

Porque para mim és tudo
Tudo o que brinca comigo
Que me dá a alegria
E já não sou teu inimigo.

Sou um homem
Um inútil mortal
Mas olho para ti
E vejo um senhorial!